fbpx
Lista de viagemPowered by Rock Convert

Minas Gerais é um dos estados mais ricos em cultura histórica, gastronomia, boa receptividade, aventura e paisagens exuberantes. E é por isso, que trouxemos 4 motivos para todos os tipos de viajantes se apaixonarem pela região.


Tempo de leitura: 8 minutos

Você vai ler sobre: Lugares históricos, gastronomia local, aventura, descanso e paisagens incríveis 


1. Acontecimentos históricos

Minas Gerais encanta muita gente. Suas cidades, marcadas por acontecimentos históricos, remontam o passado brasileiro. O estado foi (e ainda é) palco de eventos que definiram muitos dos rumos do Brasil, sendo que no século XVI, começou a ser descoberto pelos Bandeirantes.

Ouro Preto e seu leque de possibilidades

Quando pensamos em Ouro Preto, Inconfidência Mineira é um dos momentos expressivos que relembramos. Antes com nome de “Vila Rica”, hoje Ouro Preto, tombada como Patrimônio Mundial da Humanidade, a cidade mantém sua arquitetura barroca, festivais acontecendo o ano inteiro, um dos carnavais mais animados do país, passeios ecológicos, povo hospitaleiro, eventos como o Cineop, festival de inverno e também minas abertas à visitação.

Ouro Preto

Belo Horizonte, o circuito cultural 

A capital de Minas Gerais está recheada de eventos culturais. Você pode ir a museus, teatros, assistir espetáculos, passear nas praças e parques lindos e bem conservados, visitar os dois bairros principais Savassi e Lourdes, onde os restaurantes são famosos por trazer gastronomia italiana, francesa, iraniana e portuguesa. 

Belo Horizonte – Happy Hour

Lembre-se de reservar um tempo para visitar o Mercado Central de BH, que reúne mais de 400 lojas com produtos artesanais, como: tempero, produtos religiosos, artesanato, cachaças e queijos. E para você que gosta de carne, tem o famoso quibe recheado. Para quem vai procurando as famosas cervejas, a dica é o bairro Olhos D’Água com duas cervejarias premiadas, como a Wals, que ganhou medalha de ouro em 2014, pela World Beer Cup.


2. Não tem mar, “mas tem bar”, rio, cachoeira…

Para quem vai atrás de natureza e botecos, Minas Gerais é o destino certo. Em BH, os mineiros têm muito orgulho de seus petiscos, onde há o maior índice de bares por habitantes no país. Tem para todo mundo: quem gosta de algo mais simples e também mais sofisticado. A dica é apostar no acompanhamento que varia entre linguiça, torresmo, mandioca frita, pastel de angu combinando com um chopp gelado ou uma ótima cachaça artesanal. Os melhores bares, segundo nossos viajantes são em BH: Ideal, bairro Savassi, Geraldim da Cida, bairro Grajaú e Mulão, bairro Caiçara.

Patelzinho de Angu

E a natureza? 

Quem vai atrás das cachoeiras, rios e grutas deve agradecer ao relevo acidentado que foi o que permitiu o surgimento disso tudo. E pelo meio, várias trilhas ecológicas desafiam os viajantes mais curiosos e aventureiros. 

A Serra da Canastra é o destino mais procurado por quem quer ficar com a natureza e somente ela. A Serra fica na cidade de São Roque de Minas, um dos parques mais importantes do nosso país, que conta com preservação de vegetação que se mistura com o Cerrado e a Mata Atlântica. Em Capitólio fica o Cânion de Furnas, grande atrativo de rios de água doce e lindas cachoeiras.

Capitólio

Mares de morro – Oi?

Essa é a expressão utilizada que significa o relevo de serras continentais e que estão por vários estados brasileiros. É uma paisagem quase cheia de serras ao fundo, um efeito das formações geológicas. Dá um ar rústico às cidades. 


3. Ok, mas eu quero refúgio, quero ficar zen…

Então o Vale do Matutu é para você! Lá, quem se hospeda fica sem sinal de internet fixa ou internet móvel. Quando o sino toca, isso quer dizer que está na hora de alguma das quatro refeições vegetarianas diárias. Tudo é servido em uma mesa da comunidade para conversar e trocar experiências. O objetivo é exatamente esse: relaxar, ficar zen. Bebidas alcoólicas não são permitidas.
Em Gonçalves, na zona rural estão os principais refúgios. Na Serra da Mantiqueira, bosques de Pinheiros e Araucárias levam os viajantes às cachoeiras e outras aventuras de ecoturismo como rafting, escalagem, cavalgada, rapel e boia-cross.


4. Eu vim pra comer!

Muita gente vai viajar para Minas por conta da sua gastronomia e com razão. Então vamos às dicas incríveis que agradam qualquer amante de culinária brasileira.

Em Ouro Preto, Café Gerais. O lugar tem um menu bem variado com carta de vinhos incrível. Além disso, é possível comer ouvindo música do piano que tem lá. E o Escadabaixo Bar Cozinha funciona no subsolo como um pub. 

Em Tiradentes, Ora Pro Nobis. Com comida típica mineira, em estilo “slow food”, por conta dos ingredientes frescos selecionados e preparo na hora, é possível dividir uma refeição em duas pessoas tranquilamente. 

E pra quem ama pizza, Seu Barthô Pizzaria. Preparada com massa fina, com cachaça artesanal em fermentação lenta,assadas em fornos enormes, logo de cara, os viajantes já são atendidos e encaminhados para a mesa. É possível escolher um vinho da carta para acompanhar alguns petiscos antes da pizza escolhida ficar pronta. 

Em Mariana, Restaurante Lua Cheia. Considerado o melhor lugar para almoçar em Mariana, o restaurante também tem muito das comidas típicas da região, é um ambiente acolhedor, charmoso e com ótima hospitalidade. 

Em Belo Horizonte, os botecos. Café com Letras – Para quem adora música muito boa e jazz.

Comida de boteco mineira

Jângal, com petiscos, cerveja gelada, pessoas de todas as idades, regiões, rodadas em dobro e balada. 

Vaca Loka Lounge Bar – Espetinhos e cerveja trincando de gelada em uma varanda espaçosa para ficar com amigos até tarde. 

Choperia Pinguim – tradicional feijoada aos sábados, diversão para toda família e até atividades lúdicas. 

Pronto para ir a Minas Gerais, viajante? Vem conversar com a gente pra ajudarmos nessa viagem! 😉

E se preparem, porque logo, novidades vêm por aí, porque #ViajarFazBem! 💙


Você-precisa-viajarPowered by Rock Convert
Powered by Rock Convert